O Pará atingiu a 19ª posição no ranking nacional de isolamento social na quinta-feira (25), com taxa de 37,65% das pessoas em casa para evitar a proliferação da Covid-19.

As cidades com maior registro de desobediência à recomendação e baixo índice de isolamento foram Bom Jesus dos Tocantins (26,5%), Faro (28,6%) e São João da Ponta (28,6%). Já as que alcançaram melhores índices foram Monte Alegre (54,5%), Afuá (52,2%) e Aveiro (50%).

BAIRROS

Na capital paraense e em Ananindeua foram registrados, respectivamente, os índices de 36,8% e 38,7%. Em Belém, incluindo os distritos, os bairros com as maiores taxas de pessoas em casa foram: Val de Cães (53,8%), Souza (52,4%) e Condor (49,3%). As piores taxas foram em Maracajá (23,7%), Maracacuera (15,6%) e Curió-Utinga (6,7%). 

Em Ananindeua, os melhores índices foram registrados nos bairros Águas Brancas (45,9%), Julia Sefer (44,9%) e Icuí-Laranjeira (45,9%); as piores taxas foram observadas em Águas Lindas (28%), Heliolândia (29,9%) e Curuçambá (39,2%).

“Reforçamos para a população a necessidade de manter os cuidados, para que possamos manter a proliferação do vírus controlado. Lembramos sempre que o uso da mascará é obrigatório e os cuidados com a higiene são imprescindíveis, especialmente nos locais onde já está liberada a presença de público. Se cada um fizer a sua parte, iremos conseguir obter êxito no combate ao novo coronavírus “, destacou o secretário de Segurança Pública do Estado, Ualame Machado.

Serviço:

O percentual de isolamento nos 144 municípios paraenses e o monitoramento completo estão disponíveis e atualizados diariamente em um espaço exclusivo sobre os índices no site da Segup.

Por Walena Lopes (SEGUP) /Agência Pará